CURA DE CALDOS DE CEBOLA PARA ALIVIAR O RIM

image

A cebola é um dos alimentos medicinais por excelência. É altamente depurativa, antisséptica e diurética: um remédio ideal para combater qualquer problema renal, tal como infecção urinária, cálculo da vesícula biliar e retenção de líquidos, entre outros.

Neste artigo, explicaremos a maneira mais fácil de cuidar do rim realizando uma limpeza renal com caldos de cebola por nove dias. Os resultados serão visíveis imediatamente e os rins agradecerão.

Propriedades da cebola

A cebola é rica em minerais como cálcio, magnésio, cloro, cobalto, cobre, ferro, fósforo, iodo, silício e enxofre, entre outros, e também contém vitaminas A, B, C e E. Isso lhe confere as seguintes propriedades para a saúde:

É diurética, pelo que auxilia na questão de retenção de líquidos, pálpebras inchadas, edemas etc.
Combate as inflamações
É um grande antioxidante
É antisséptica, antimicrobiana e antimicótica: ajuda a combater as infecções causadas por bactérias, micróbios e fungos
Melhora a função respiratória
Protege contra doenças cardiovasculares

Preparo dos caldos

Ferver uma cebola por cada litro de água. Opcionalmente, acrescentar alguns ramos de salsa, que também ajudarão na limpeza profunda dos rins. Beber diariamente a decocção de dois litros de água e duas cebolas. É possível preparar maior quantidade e conservar na geladeira por, no máximo, dois ou três dias.

Como tomar?

Durante o dia, sorver aos poucos o caldo em temperatura ambiente ou quente entre as refeições. Se quisermos, acrescentar um pouco de suco de limão ao caldo. É recomendável ingerir pelo menos duas xícaras em jejum, meia hora antes do café da manhã. Tentar beber diariamente antes do meio da tarde, para evitar a necessidade de ir ao banheiro à noite.

A cura de nove dias

Durante os nove dias da terapia, além de consumir os caldos, recomenda-se seguir as seguintes indicações:

Evitar o consumo de sal e alimentos salgados. Salgar as comidas com um pouco de água de mar (vendida em lojas de produtos naturais e alguns supermercados).

Reduzir o consumo de proteína animal (sobretudo carne, leite e laticínios derivados) e priorizar a proteína vegetal. Uma leguminosa excelente para os rins é o feijão azuki, que, curiosamente, possui forma de rim. Outras fontes de proteína vegetal, além das leguminosas, são frutos secos e cogumelos, e também ovos e um pouco de peixe, embora estes sejam de origem animal.

Evitar o açúcar refinado e os alimentos açucarados, e preferir mel ou stévia para adoçar.

Os rins e o fígado são os principais órgãos que costumam se esfriar e causar o agravamento da doença renal, falta de energia e fadiga, dor na região lombar etc. Para evitar isso, proteger bem a região mediana e a parte inferior das costas e, à noite, colocar uma bolsa de água quente ou almofada elétrica.

O exercício físico e o suor aliviam os rins e os sobrecarregam, já que será outra forma de eliminar líquidos do corpo.

Exemplo de cardápio saudável cotidiano

Propomos um cardápio saudável para um dia da cura:

Em jejum: duas ou três xícaras de caldo.

Café da manhã: torradas de pão integral e uma omelete simples.

Durante a manhã: várias xícaras de caldo.

Metade da manhã: frutos secos.

Almoço: Guisado de lentilhas e arroz integral, salada mista e compota de maçã adoçada com mel.

Até a metade da tarde: várias xícaras de caldo.

Lanche: vitamina de banana e mirtilos.

Jantar: Repolho com batata, salteados com alho, e filé de peixe.

Advertência

Certas pessoas não toleram bem a cebola crua, e será necessário cozinhá-la. Aconselha-se testar esta cura com cautela. Em caso de sintomas de má assimilação, interromper a depuração imediatamente.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s